segunda-feira, 18 de julho de 2011

Vulcão Cumbre Vieja pode entrar em erupção e causar tsunami no Brasil

Tsunami no Brasil - A erupção do vulcão Cumbre Vieja nas Ilhas Canárias está ativo.  Além das regiões Norte e Nordeste, existe a possibilidade de um tsunami atingir também a região do pantanal brasileiro.

 Vulcão Cumbre Vieja pode entrar em erupção e causar tsunami no Brasil

Por Marise Jalowitzki
18.julho.2011

http://t.co/dmd6p36

["La Palma é uma ilha vulcânica oceânica. Atualmente é a maior atividade vulcânica das Ilhas Canárias. A sua última erupção ocorreu em 1971. O vulcão encontra-se atualmente sob monitoramento constante pelo fato de haver falhas na estrutura da ilha que o sustenta, o que implica numa possível catástrofe, caso ocorra uma forte erupção, que poderia causar o colapso ou desmoronamento desta ilha no leito oceânico, provocar um super terremoto e a formação de um megatsunami de caráter global, que poderá atingir toda costa leste das Américas, a costa oeste africana e todo litoral europeu ocidental." (Wikipedia)


Este vulcão está no topo de uma conjunção de fraturas paralelas e a sua capacidade de ir libertando gases e vapor de água tem sido um alívio. Por se encontrar nessas “falhas” admite grandes quantidades de água nas suas câmaras.

O problema parece estar no fato de tres dessas “chaminés” terem agora confluido numa só. Os Geólogos Britânicos estão alarmados. A capacidade de expulsão de vapor não será suficiente e como tal há a possibilidade de um grande deslize a seguir a grande explosão.

O tema está sendo abordado na 63ª Reunião Anual da SBPC, que neste ano se realiza em Goiânia.

(A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência é uma instituição que visa a divulgação e o incentivo em todas as áreas da Ciência e pesquisa no Brasil, tendo em sua revista mensal - Ciência Hoje - sua porta mais direta com os membros e estudiosos da área e população em geral.)

A existência de uma fenda de 5km no Cumbre Vieja que está indo rapidamente em direção ao mar é a razão da preocupação dos geólogos. Para os geólogos isso não vai demorar muito porque a cada dia que passa a fenda está mais proxima do mar.

A costa leste dos Estados Unidos, as Ilhas Canárias, a costa européia e africana, o litoral brasileiro e a América Central serão atingidos no caso da formação dessas ondas gigantes.

A erupção do vulcão Cumbre Vieja pode causar um tsunami de grandes proporções, com 500 km de extensão e até 30 m de altura. Além das regiões Norte e Nordeste, existe a possibilidade de a onda atingir também a região do pantanal brasileiro.

Tsunami no Brasil?
Físico fala na reunião da SBPC sobre a possibilidade de um grande tsunami atingir o Brasil caso um vulcão das ilhas Canárias entre em erupção. O país ainda não tem capacidade de prever esse tipo de desastre natural.

Por: Sofia Moutinho
Publicado em 15/07/2011 | Atualizado em 15/07/2011

Em 2004, tsunamis provocados por um terremoto submarino no Oceano Índico atingiram a Tailândia (na foto) e outros países banhados por ele, matando centenas de milhares de pessoas. (foto: David Rydevik/ Wikimedia Commons)

Por mais aterrorizantes que sejam as imagens de tsunamis, o brasileiro está acostumado a vê-las de longe.

No entanto, segundo o geofísico Alberto Brum Novaes, da Universidade Federal da Bahia, existe a possibilidade de vermos uma onda gigante de perto aqui no Brasil.


Localização do Vulcão Cumbre Vieja em La Palma, nas Ilhas Canárias - Wikipedia

Em palestra sobre tsunamis na 63ª Reunião Anual da SBPC, em Goiânia, o pesquisador explicou que a erupção do vulcão Cumbre Vieja, na ilha canária espanhola La Palma, no Oceano Atlântico, pode causar um tsunami de grandes proporções, com 500 km de extensão e até 30 m de altura, que chegaria ao Caribe e a toda a orla leste dos Estados Unidos e à costa norte e nordeste do Brasil.
A erupção do vulcão Cumbre Vieja pode causar um tsunami de grandes proporções, com 500 km de extensão e até 30 m de altura

O vulcão está ativo no momento, mas, segundo Novaes, não é possível saber quando entrará em erupção. A última vez que isso aconteceu foi em outubro 1971 e desde então ele é monitorado por pesquisadores de universidades locais e dos Estados Unidos.

“Pode acontecer a qualquer momento”, afirmou Novaes. “Pode ser daqui a pouco ou daqui a séculos, mas que vai acontecer um dia vai.”

O pesquisador explicou que o tsunami seria causado por deslizamentos de enormes pedaços de rochas que se desprenderiam devido aos tremores resultantes da erupção e adentrariam o oceano. La Palma fica sobre falhas geológicas e, por isso, um terremoto seria inevitável nessas condições, podendo, inclusive, levar ao colapso de toda a ilha.
Vulcão Cumbre Vieja
A erupção do vulcão Cumbre Vieja (na foto), nas ilhas Canárias, poderia resultar em um tsunami, que chegaria ao litoral norte e nordeste do Brasil com ondas de cerca de 30 m de altura. (foto: Nasa Earth Observatory)
Além das regiões Norte e Nordeste, Novaes afirmou que existe a possibilidade de a onda atingir também a região do pantanal brasileiro. Isso porque o rio Amazonas funcionaria como um caminho para as águas, conduzindo-as para o interior do território.

“O rio Amazonas é muito lânguido, com muita água e sem muitas curvas, então é possível que o tsunami cause muito estrago quando encontrar com ele”, disse.

Estudos da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, apontam que o tsunami avançaria pelo Oceano Atlântico com uma velocidade máxima de 800 km/h nas áreas mais profundas e, em seis horas, tomaria cerca de 20 km da costa do país, a partir da cidade de Miami.

 

Fora de foco

Desde 2009, um grupo de estudo do Departamento de Geografia da Universidade Federal da Paraíba monitora a atividade sísmica e marítima da região para entender os riscos que envolvem a erupção do Cumbre Vieja.

Em âmbito nacional, o Brasil conta com o Centro de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), instituído por decreto no último dia 1º de julho.
A etapa inicial de implantação do Centro de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais no Brasil não inclui tsunamis

Até o fim de 2011, o sistema de monitoramento deve estar funcionando em 25 cidades. Mas a prioridade inicial do centro é a prevenção e o alerta de tempestades, alagamentos e deslizamentos de terra, desastres naturais que mais matam no Brasil.

Segundo o físico Antonio Marcos Mendonça, analista do MCT, a etapa inicial de implantação do Cemaden, que dura até 2012, não prevê o monitoramento de outros tipos de desastres como os tsunamis.

“As catástrofes relacionadas a tsunamis são muito mais complicadas de se prever”, diz Mendonça.

“Dependendo de onde ele ocorre, tem como o centro absorver as informações para emitir um alerta, mas não está no escopo do sistema no momento; a partir de 2015, isso poderá ser tratado.”
Sofia Moutinho

Ciência Hoje On-line
http://ch.tangrama.com.br/especiais/reuniao-anual-da-sbpc-2011/tsunami-no-brasil


Onda gigante pode atingir Portugal

por MANUEL RICARDO FERREIRA; SOFIA JESUS31 dezembro 2004
Massa rochosa nas Canárias ameaça desprender-se do vulcão Cumbre Vieja

Na semana em que um violento tsunami devastou o Sudeste asiático, os cientistas voltam a alertar para o perigo de um fenómeno semelhante no oceano Atlântico. Desta vez não devido a um sismo, mas a uma erupção vulcânica. Nas Canárias, uma gigantesca massa rochosa ameaça desprender-se do vulcão Cumbre Vieja, na ilha de La Palma, e cair no mar. Quando isso acontecer, uma gigantesca onda atravessará todo o Atlântico, em direcção ao continente americano. Em apenas quatro horas, também a costa portuguesa será atingida pelas vagas.
O último alerta para a possibilidade deste desastre foi feito há seis meses pelo professor Bill McGuire, do Benfield Research Centre, do University College, de Londres. Numa reunião de sismólogos, o cientista avisou que uma massa rochosa de 500 mil milhões de toneladas se está a soltar do grande vulcão, na vertente Sul de La Palma. Agora, o cientista volta a chamar a atenção do mundo para a necessidade de vigiar a velha montanha, de modo a detectar sinais prévios que indiciem uma erupção.
Como explicou ao DN o especialista Víctor Hugo Forjaz, da Universidade dos Açores, «um vulcão de grandes dimensões, como o Cumbre Vieja [com 2426 metros de altura] é uma massa pesada que vai crescendo ao longo dos anos, com os materiais empilhando-se uns sobre os outros, de forma cónica». A partir de certa dimensão, atinge massas que podem desequilibrar- -se, tendo em conta o chamado «ângulo de atrito interno», ou ponto de equilíbrio. À semelhança do que acontece com um monte de areia molhada, que se vai desfazendo à medida que cresce.
Segundo os cientistas, uma erupção do Cumbre Vieja - cujo risco não é iminente: pode ocorrer dentro de dez a 200 anos - poderá provocar o deslizamento dessa enorme massa rochosa. Ao cair no mar, o gigantesco bloco provocará uma onda com cem metros de altura, que atravessará o Atlântico a uma velocidade de 800 quilómetros por hora. As vagas atingirão primeiro a costa ocidental da África.
Quatro horas depois será a vez do continente português e Galiza, e mais tarde as ilhas britânicas. Passadas oito a nove horas, a parede de água alcançará a costa leste da América do Norte e das Caraíbas, com ondas que poderão chegar aos 50 metros de altura.

Mais do que se assustar é preciso se preparar!



Cumbre Vieja, em La Palma, agora está com as três chaminés fundidas em uma só - Perigo e alerta para tsunami global


Outros links:
VIDEO no youtube - https://www.youtube.com/watch?v=0Hp_Ocij194 
Grupo de Estudos da Universidade da Paraíba - Paraíba precisa se preparar: http://www.agencia.ufpb.br/ver.php?pk_noticia=12471

Estudos sobre o Cumbre Vieja de Steven N. Ward - Institute of Geophysics and Planetary Physics, University of California, Santa Cruz California, USA - http://www.es.ucsc.edu/~ward/papers/La_Palma_grl.pdf




Veja também:
Modificações no Clima - Temporal em
Porto Alegre em 23.outubro.2013 -
Foto Cristina Sturm da MetSul -


Distrails, Chemtrails, Contrails e Escurecimento Global

Por Marise Jalowitzki


Marise Jalowitzki
Compromisso Consciente


compromissoconsciente@gmail.com
Escritora, pós-graduação em RH pela FGV,
international speaker pelo IFTDO-EUA
Porto Alegre - RS - Brasil


26 comentários:

  1. o tsunami vai chegar até o pantanal?????????? kkkkkkkkkkkkkkkkkk. pelo amor de Deus preste atenção no que escreve se quiser ser levada a sério!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uma sugeståo p quem nåo acredita .... compre uma belissima casa na beira da praia e viva ( morra ) feliz p sempre .... amem pois eu scredito sim faz so uns meses que vooei quase sobre esse vulcåo e e assustador me arrepiei toda e nem sabia dessa noticia ... que deus ilumine a todos nos

      Excluir
  2. Grata, Paulo, pela contribuição, que nos permite analisar juntos o texto:

    - No texto transcrito do site da Sociedade, Ciência Hoje, Sofia Moutinho transcreve as declarações do geofísico Alberto Brum Novaes, da Universidade Federal da Bahia:

    “O rio Amazonas é muito lânguido, com muita água e sem muitas curvas, então é possível que o tsunami cause muito estrago quando encontrar com ele”, disse.

    "Cause muito estrago" significa cheias de grandes proporções, inundações que causem grandes devastações.

    Não será possível?
    Eu acredito que sim.
    O governo do Japão também não acreditou, mesmo tendo sido alertado dois anos antes.Achou que os muros construídos "bastariam".
    Tomara que estejamos errados e você, certo!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Há alguns anos que algumas pessoas falam sobre isso. Nunca fui de acreditar, Mas esse ano esse assunto foi muito comentado. Até minha professora de ciências comentou com agente. Fiquei com um pouco de medo, e resolvi buscar mais informações. Fiquei com medo também, porque moro na Paraíba, um dos locais ameaçados, e ainda mais, moro no litoral, praticamente em frente da praia. Se o vulcão entrar em convulção, terá que ser avisado muitas horas antes, para todo mundo se salvar.

    Estou com medo, até porque está chegando o tão comentado 2012, que todos comprovam ser o " fim do mundo. "

    ResponderExcluir
  4. Caro "ANÔNIMO"!
    Gracias pela tua contribuição ao post. O que posso te dizer, frente ao que também li e ouvi: Os próprios cientistas dizem: "Pode acontecer agora, amanhã, daqui a trinta anos!Até bem mais tempo, mas que vai acontecer, isso é certo!" Assim, de que adianta ficar com medo? Um dia vai acontecer, e morrer é para todos. Por mais carolinha que isso pareça, vai acontecer com todos, sim.
    O que precisamos, isso é real, é manter uma atitude manifesta, seja através de textos, de divulgações, comentários em escolas, manifestações de rua e, principalmente, cobrar de nossos governantes! ELES SABEM BEM MAIS DO QUE NÓS SUPOMOS e, tal como no Japão e em tantas outras situações, não avisam ninguém. Deixam acontecer para lidar com a comoção popular depois e assinar novos mega contratos para reconstruir. Não podemos nos iludir. A solidariedade, o senso de preservação da espécie, a segurança, isso está na pauta apenas de alguns. E são esses que precisamos acessar, para que divulguem, sim, mas, em conjunto, já mostrem alternativas, como a evacuação antecipada, lugares dignos para morar, alternativas! Não apenas avisar para que todos entrem em pânico, como é a moda. Do próprio 2012.

    Agora, com relação a Paraíba, me preocupa, sim,pois é uma área muito propensa a sismos, com ruptura de placas (agora a Chevron também já rebentou uma no Rio com o seu vazamento de petróleo...)e não vejo nenhum estudo sendo feito ou divulgado. Os estudos devem estar acontecendo mas divulgar... é o que devemos pleitear.
    Alguns ficam culpando Haarp, Haarp, Haarp. Não é só esse órgão, nem só este governo. Há muito mais nesse grande jogo de xadrez.

    Fim do mundo já está acontecendo há décadas, com toda a destruição a que estamos submetendo nosso planeta-mãe-casa. A aceleração dessa destruição está, também, por nossa conta, já que continuamos destruindo.
    Se eu puder te dizer algo, fica calmo. Pleiteie, promova abaixo assinados, torne pública a sua resolução, convoque os amigos.
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  5. queria saber quais os estados e cidades do Brasil que irão ser atingidos ????

    ResponderExcluir
  6. ACREDITO NAQUILO QUE OS CIENTISTAS FALAM . Os profetas inspirados por Deus tambem dizem. Leiam o livro do Apocalipse.Tudo esta se cumprindo.AFINAL DE CONTAS DEUS NAO E MENTIROSO.veja o que ele diz em sua palavra contida no livro sagrado.QUANDO ELE AVISOU noe o povo nao acreditou.

    ResponderExcluir
  7. Oi Marize, tenho lido muito sobre esse vulcao nas ilhas canárias e aqui achei um mais de informaçao. Eu moro na Holanda, mas sou de Aracaju, uma ou outra morada nao sao seguras pois tanto aracaju como (especialmente) a Holanda ficam abaixo do nivel do mar, e acho que as duas estao na rota dessa triste catástrofe, mas olha nem os governos aqui comentam sobre isso, eu assisti no "Discovry Chanel", fiquei assustada e até sonhei com o dia do tsunami. fui para a internet procurar saber mais. A única coisa que eu posso dizer é que seja bem melhor viver o momento com todos os improvisos. Aracaju é a minha futura morada, pois nao quero viver aqui por muitos anos, lá vou desfrutar do que tiver de bom, pois nós nao sabemos o dia que vamos partir e nao adianta sofrer por antecipaçao. Há muita gente que sobrevive depois de catástrofes horríveis. Eu prefiro acreditar no meu Deus interior e continuar vivendo como eu tenho vivido até agora, pois eu posso atravessar a rua em frente onde u moro e derrepente ser atropelada e morrer; entao vivamos o presente, nao adianta sofrer pelo futuro, pois ele ainda nao chegou.
    Abraços se tiver alguma nova informaçao post.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  8. Estimad@s Manuela, "Anônimo" e Clarieni! Muito grata pela leitura e contribuição ao post.

    Estados e cidades a serem atingidos - nas estimativas, todo o litoral nordeste e norte está propenso. Como irá ser? Contamos apenas com o imprevisível de um fenômeno de tamanha grandeza.

    O que surpreende é o silêncio da grande mídia. Tenho procurado os resultados desse comitê que estuda a situação, especialmente da paraíba, mas, até agora, nada consegui.

    Viver um dia de cada vez, com certeza!
    Quanto mais se sabe mais a gente se surpreende com a má-fé e a irresponsabilidade de tantos governantes, seja aqui, seja pelo mundo afora.

    Discovery Chanel tem coisas incríveis, até agora me pergunto como é que eles atuam, já que são dos EUA. Já pensei em escrever tudo o que eles falam apenas em videos, para divulgar. É MUITA coisa!

    Desejo felicidades, consciência, ação efetiva não-violenta, muita sorte e fé, para todos nós!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Devemos estar preparados espiritualmente, porque quando as coisas piorarem estaremos mais fortes para encararmos a realidade que nos espera.Com Deus estaremos seguro e confiantes.Todas essas coisas infelizmente terao que acontecer para que haja um avivamento ou seja um despertar nas consciencias de toda humanidade para que todas as pessoas sejam mais humanas e tenham amor ao proximo.

    ResponderExcluir
  10. O que leva o ser humano a querer aprender e despertar apenas através do sofrimento? Há outros caminhos! Qual a razão de tanta resistência?

    ResponderExcluir
  11. Domingos Brilhante8 de janeiro de 2012 05:25

    A razão da resistência, é o medo da perda de coisas materiais,o que leva ao egoísmo e falta de humanidade...enquanto outros caminhos, requerem um despreendimento do amor pelas coisas e um maior comprometimento do amor pelo próximo.Já o que nos traz o sofrimento é a quebra do hábito,num modelo social globalizado,industrial e tecnólogico,é claro que as pessoas lutam em vão,isto é,caminham para o sofrimento cegas pelos meios, já que os valores mais íntimos e naturais estão em extinção.
    Parabéns pela página e pelo trabalho informativo.

    ResponderExcluir
  12. Muito grata, Domingos Brilhante, pelas valiosas considerações!A Humanidade PRECISA acordar! Há pessoas, como tu e os outros que colocaram suas opiniões neste e noutros posts. Há pessoas de boa fé, há pessoas conscientes. Creio que a ÚNICA saída será uma ação efetiva com crianças, jovens e homens/mulheres adultos de boa vontade, que não tenham medo de mostrar as suas ações, simples, mas efetivas.
    O que vai restar do Planeta? Provavelmente nós não saberemos!
    Que seja o melhor para quem ficar! Abs

    ResponderExcluir
  13. Olá, Marise, parabéns pelo artigo. Vivo em Cabo Verde. Esse tsunami destruirá as ilhas de Cabo Verde? Qual seria o grau de destruição?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isa Dora! Tudo que fiz foi transcrever do que li na web. Não posso afirmar nada além disso. O que, no meu entendimento, deveria estar sendo feito é colocar a população ao par das pesquisas e análises e ir, preventivamente, reforçando as áreas costeiras de todo o litoral que seja propenso a eventos sísmicos. O Japão faz isso, desde décadas. Aqui, soa como alarmismo.

      Fica com Deus e grata pela contribuição!

      Excluir
  14. Fica um alerta ao dia 21/12/2012. Temos q ficar ligados.

    ResponderExcluir
  15. uma sugeståo p quem nåo acredita .... compre uma belissima casa na beira da praia e viva ( morra ) feliz p sempre .... amem pois eu scredito sim faz so uns meses que vooei quase sobre esse vulcåo e e assustador me arrepiei toda e nem sabia dessa noticia ... que deus ilumine a todos nos

    ResponderExcluir
  16. Grata ao Alan e à Deuza pelos comentários enriquecedores. Realmente, até agora, continua silêncio total sobre este assunto e tantos outros. Enquanto isso, há pessoas que continuam até [ainda] desacreditando que os cientistas estão fazendo MUITO em termos de mudanças climáticas. Chemtrails, Contrails, Distrails, Escurecimento Global, fazer chover, produzir "raios solares" dentro de laboratório... Logo estarei publicando sobre isso. Abraços!

    ResponderExcluir
  17. Gostaria de sabwr se fortaleza esta nessa lista da morte e se estiver adiantaria fugir para o interior tipo aqueles q nao possuem um litoral ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Diva! Pelas previsões dadas pela entidade citada no artigo, a coisa é MUITO maior do que se supõe, quando acontecer. Ratifico as palavras do cientista: "Pode ser daqui 30 anos, mas vai acontecer!" Se, como diz o artigo, até o pantanal matogrossense sofreria os efeitos, de nada adiantaria mudar-se para o interior do estado. O que seria necessário é os governos tomarem providências (tipo muros altos, para contenção das águas e canos subterrãneos de escoamento, como no caso do Japão). Os estragos que aquele tsunami provocou lá no Japão,não tivessem todas essas providências, poderia ter arrasado uma área muito maior, se não o país inteiro! Agora, aqui no Brasil, parece que a filosofia dos governos ainda é: "vamos torcer pra que os cientistas estejam errados!... e, aí, caso der m.... a gente vê o que faz!" ... não é assim que acontece com a população dos morros no Rio de Janeiro? Várias ongs e entidades internacionais já falaram que são necessário grandes tanques (tipo piscina subterrânea) para absorver a água da chuva, e canos internos, do topo do morro até os leitos dos rios ou oceano, para escoar a água, não deixar encharcar o morro, evitando os desabamentos. Você sabe de alguma providência neste sentido? Não! E, todo o ano, tem gente morrendo ou perdendo tudo, mesmo após aquele desmoronamento onde morreram mais de mil!!! Importante, amiga, é mobilizar pessoas do bairro-cidade para exigir que os governos façam alguma coisa preventiva! Lá em Boa Viagem (Recife) há mais de 30 anos o problema existe. Fizeram uns murinhos de nada e pronto! E isso, porque é uma praia conhecida.... nos arredores, nada! Beijos e FELICIDADES"!

      Excluir
  18. Com que tamanho a onda poderia chegar no nordeste e quantos Km ela avançaria ? Quantos km no mínimo longe do litoral poderia alguém escapar ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estimado Salatiel! Esta precisão nem os cientistas apresentam. Até porque, espera-se que nos próximos anos os governos resolvam fazer alguma coisa para impedir (se é que é possível) as três crateras incandescentes de explodirem (erupção) com a força que hoje elas possuem. Quando os cientistas falam que até o pantanal matogrossense seria afetado com mais cheias, dá para imaginar a proporção! Agora, como sinalizam todas as referências que temos, lugares mais altos são sempre os que conseguem ficar mais isentos!

      Assim, a decisão de mudar nem seria quantos km e, sim, quais os lugares com mais morros de rocha.

      Louvo teu interesse e precaução, amigo, pois, mesmo que a coisa seja menor do que anunciada, será a geração jovem de hoje e seus filhos que saberão (e sentirão) a verdade. Abraços e FELICIDADES!

      Excluir
  19. A questão do vulcão Cumbre Vieja é séria e muito problemática. Pois já tivemos no passado megatsunamis, com ondas de 520 metros à 1000 metros de altura, em velocidade de 870km por hora. Portanto o que acontecerá quando este vulcão entrar em erupção, será um fato muito sério e tenebroso, independente de pessoas acreditarem ou não. É fato, é o inevitável. Ainda não chegamos a uma tecnologia com avanços tecnológicos potentes para poder controlar a natureza, para evitar ou minimizar as catástrofes naturais. Quem sabe há uns 100 anos na frente poderemos chegar neste nível de tecnologia. Nada neste universo é impossível. A humanidade daqui há uns 100 anos, com certeza terá evoluído espiritualmente, culturalmente e tecnologicamente, como disse, é inevitável. Por tanto, devemos sim, nos preocupar com esta futura situação. E tentar contribuir com os cientistas, e associações de estudos especiais de controle de catástrofe, com projetos para solucionar as evacuações futuras para lugares de sobrevivência. Pois quando esta erupção acontecer, as ondas chegaram nas costas dos países a 900km por hora, com alturas de 100 metros para cima. A onda depois da erupção, levará 12 horas para chegar nas nossas praias. Os governos não relatam a verdadeira altura destas ondas, para não colocar a população dos países que serão atingidos em pânico total, já que não temos como evitar, e nem saída, somente tentar sobreviver a isso. Portanto, procure estudar mais sobre esta questão, para conhecimento e sobrevivência. Não ignorem o óbvio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordando plenamente e agradecendo a séria e compromissada contribuição!

      Excluir
  20. Se ocorrer a erupção do Cumbre Vieja, seremos avisados a tempo? Como está o monitoramento do Cumbre Vieja?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. infelizmente, nenhuma notícia mais tenho encontrado, amigo? Coisa triste isso!!!

      Excluir