sexta-feira, 27 de maio de 2011

Hino Nacional versão funk no Rio Grande do Sul - UMA VERGONHA!


Imagens mostram seis soldados da Companhia de Engenharia de Combate Mecanizada - Reprodução / Reprodução
Militares em Dom Pedrito constrangem com dança funk para o Hino Nacional


Hino Nacional versão funk no Rio Grande do Sul - UMA VERGONHA!


Por Marise Jalowitzki
27.maio.2011
http://t.co/3qz9uDI

Transcrevo da Zero Hora.
SINCERAMENTE? UMA VERGONHA! Com tanta música para dançar, vão zoar justamente com o Hino Nacional? 'Tá certo que quase ninguém sabe cantá-lo, mas o que isso tem a ver com o que é apresentado no video?

Espero que os infratores sejam punidos!

Não há mais respeito a nada!

Geral | 27/05/2011 | 15h27min
Carlos Etchichury, de Dom Pedrito | carlos.etchitchury@zerohora.com.br

O vídeo com recrutas fazendo uma versão funk do Hino Nacional divulgado nesta sexta-feira em Zero Hora constrange moradores de Dom Pedrito, na Região da Campanha. Pelas ruas do município de 40 mil habitantes, a versão estilizada da música era o principal tema na cidade desde as primeiras horas de hoje.

Produtor rural e proprietário de hotel e restaurante, Walter Ferrer Fernandes indignava-se pelo fato de a cidade mobilizar a opinião pública por um assunto "lamentável".

— Todo mundo se esforça para mostrar Dom Pedrito como uma cidade produtora de gente trabalhadora. Ver a imprensa destacar este assunto (o hino nacional funk) é triste — disse Fernandes.

Para Eva Portilho, assessora de cultura da prefeitura, os militares flagrados no vídeo desrespeitaram a Legislação e afrontaram à Constituição.

— São valores que a gente aprende e estão sendo desrespeitados.

Pelas ruas do município que se orgulha de ter sido palco do Tratado do Ponche Verde, que pôs fim a Revolução Farroupilha, em 1845, o radialista João Roberto, da Rádio Upacaraí, é voz destoante. Para o comunicador, a atenção da opinião pública para o vídeo dos recrutas é "demasiada":

— É um exagero a importância que está se dando para este fato.

Conforme o comandante do quartel de Dom Pedrito, Vasques Robinson Diorgenes, os militares envolvidos no episódio aguardam a conclusão do inquérito militar em liberdade.

— Eles continuam desenvolvendo suas atividades normalmente.


O que diz a lei:
Constituição Federal

É vedada a execução de quaisquer arranjos vocais do Hino Nacional, a não ser o de Alberto Nepomuceno.

Não será permitida a execução de arranjos artísticos instrumentais do Hino Nacional que não sejam autorizados pelo presidente da República, ouvido o Ministério da Educação e Cultura.

É obrigatória a tonalidade de si bemol para a execução instrumental simples do Hino Nacional. O canto dever ser sempre uníssono (a mesma altura).

Código Penal Militar


Praticar o militar, diante da tropa ou em lugar sujeito à administração militar, ato que se traduza em ultraje a símbolo nacional.

Pena: detenção de um a dois anos.



ZERO HORA

Dança do Hino Nacional na versão funk constrange moradores de Dom Pedrito

Vídeo divulgado hoje em zerohora.com mostra soldados dançando versão funk da música

---------
Incluo o comentário do Esdras e minha resposta:

Esdras v da s. pinto disse...

vc, q condena os jovens recrutas, tem conhecimento do dia dia dentro do quartel? é a maior pressão.
n devem ser punidos, é uma brincadeira.
qm deve ser punidos são os governantes q roubam o povo, são presos de manhã[qdo são] e soltos a tarde.
isto sim, é vergonhoso!
é o meu, é o seu MONEY, DINHEIRO...DESVIADOS.
N REPASSAM A POPULAÇÃO.
VC JA FOI A UM HOSPITAL PUBLICO, MORRENDO DE DOR?...OU LEVOU UM ENTE QUERIDO?
COMPARE A IDADE E FUNÇÃO DOS RECRUTAS C A DOS GOVERNANTES...
VERGONHOSO É ROUBAR O NOSSO DINHEIRO E EU AINDA TER Q PAGAR CONVENIO MEDICO C VALOR Q N É COMPATIVEL C O Q GANHO!!! LIBERDADE, LIBERDADE!!

E OS GOVERNANTES, N APRENDERAM VALORES: N PEGUE ND Q N SEJA SEU?
LIBERDAAAAAAADE, LIBERDAAAAAAAAADE!

Marise Jalowitzki disse...

A filosofia de que um mal pode ser comparado e, por isso, desculpado, é perigosa, porque corruptível.

A corrupção em que está imerso o país é um mal em si e PRECISA SER PUNIDO, sim! Políticos, sistemas podres.Com rigor.

O que não isenta, no caso dos recrutas, o que os rapazes fizeram. A brincadeira ultrapassou, sim. Que paguem em trabalho comunitário, mas, o que não é possível, é deixar passar ileso.

Tenha a certeza de que eles sabiam que estavam mexendo com um símbolo nacional importante. Fariam isso frente a um sargento? Por certo que não! E colocaram na rede? Para o mundo inteiro ver?

E as leis estão aí: Constituição e Código Penal Militar:

Código Penal Militar

"Praticar o militar, diante da tropa ou em lugar sujeito à administração militar, ato que se traduza em ultraje a símbolo nacional.

Pena: detenção de um a dois anos."

Nota - Dezembro.2011: Saiu a sentença - Os recrutas pagarão um ano em serviços comunitários.

-----------

 

2 comentários:

  1. Esdras v da s. pinto28 de maio de 2011 01:40

    vc, q condena os jovens recrutas, tem conhecimento do dia dia dentro do quartel? é a maior pressão.
    n devem ser punidos, é uma brincadeira.
    qm deve ser punidos são os governantes q roubam o povo, são presos de manhã[qdo são] e soltos a tarde.
    isto sim, é vergonhoso!
    é o meu, é o seu MONEY, DINHEIRO...DESVIADOS.
    N REPASSAM A POPULAÇÃO.
    VC JA FOI A UM HOSPITAL PUBLICO, MORRENDO DE DOR?...OU LEVOU UM ENTE QUERIDO?
    COMPARE A IDADE E FUNÇÃO DOS RECRUTAS C A DOS GOVERNANTES...
    VERGONHOSO É ROUBAR O NOSSO DINHEIRO E EU AINDA TER Q PAGAR CONVENIO MEDICO C VALOR Q N É COMPATIVEL C O Q GANHO!!! LIBERDADE, LIBERDADE!!

    E OS GOVERNANTES, N APRENDERAM VALORES: N PEGUE ND Q N SEJA SEU?
    LIBERDAAAAAAADE, LIBERDAAAAAAAAADE!

    ResponderExcluir
  2. A filosofia de que um mal pode ser comparado e, por isso, desculpado, é perigosa, porque corruptível.

    A corrupção em que está imerso o país é um mal em si e PRECISA SER PUNIDO, sim! Políticos, sistemas podres.Com rigor.

    O que não isenta, no caso dos recrutas, o que os rapazes fizeram. A brincadeira ultrapassou, sim. Que paguem em trabalho comunitário, mas, o que não é possível, é deixar passar ileso.

    Tenha a certeza de que eles sabiam que estavam mexendo com um símbolo nacional importante. Fariam isso frente a um sargento? Por certo que não! E colocaram na rede? Para o mundo inteiro ver?

    E as leis estão aí: Constituição e Código Penal Militar:
    Código Penal Militar

    Praticar o militar, diante da tropa ou em lugar sujeito à administração militar, ato que se traduza em ultraje a símbolo nacional.

    Pena: detenção de um a dois anos.

    ResponderExcluir