sábado, 28 de fevereiro de 2015

Gynecomastia adolescente - Efeitos colaterais - Risperidona e o crescimento de mamas


90% dos pacientes que ingerem Risperdal (Risperidona) possuem níveis elevados de prolactina. A prolactina controla o desejo sexual em homens. 

Do Livro TDAH CRIANÇAS QUE DESAFIAM
"Porque admitir “não consigo” se posso dizer “não quero”?
Muitos pais ficam tristes, desesperançados, desesperados mesmo, quando seus filhos respondem sempre com rispidez e agressividade às cobranças e limites. Quantas mães já perderam a paciência quando seu pimpolho dispersa a atenção (“há pouco ele sabia e, um segundo depois, parece que tudo sumiu”) e quando a mãe cobra a concentração, vem um ataque, por vezes até mesmo físico! A dispersão acontece sem maior aviso, faz parte do quadro e, simplesmente, o pensamento evapora! Os especialistas explicam: Porque a criança vai admitir um “não consigo”, mostrar sua fragilidade quando, muitas vezes, recebe xingamentos, reprovações e impropérios? Muito mais digno, no pensamento da criança, é afirmar “não quero”! Aí acaba sendo visto como preguiçosa, teimosa, até mesmo desonesta. (...)
São todos sintomas de uma falta de capacidade em responder com a qualidade, quantidade e prazo possíveis para a maioria, mas não uma incapacidade de apresentar os resultados! São necessários um prazo maior, sim e, na maioria das vezes, outros recursos didáticos, que não os retóricos usuais." (Livro TDAH Crianças que Desafiam - Capítulo 10 - Revendo Conceitos - págs 151 e 152)


Quando, na década de 90, o psicofármaco Lexpiride da Roche (entre outros) foi banido do mercado brasileiro, a indignação geral dos pacientes consumidores (sempre público adulto) era sobre o desconhecimento dos efeitos colaterais danosos, destaque para o crescimento de seios, tanto em homens como em mulheres, podendo produzir inclusive leite! As mulheres também tinham o fluxo menstrual interrompido, sem estar grávidas.

Para os que ainda procuram o Lexpiride, uma "saída", sem disfarces nem meias palavras, é dada neste site (www.psiquiatria.med.br ): "O Lexpiride era uma combinação de Bromazepam (Lexotan) e Sulpiride (Equilid). Ambos são encontrados facilmente. É só o médico dela ajustar a dose de cada um deles." 

Estes psicotrópicos foram banidos, mas o princípio ativo continua sendo utilizado sem escrúpulos pelas farmacêuticas (e ainda sem aviso aos pacientes e familiares), sob outros nomes, como o Risperdal (Risperidona, no Brasil), sob registro pela Janssen-Cilag (Johnson e Johnson).

Com relação ao amplo uso de Risperidona em crianças e adolescentes (desde 2006), especialmente indicado nas questões de agressividade e impulsividade, com ou sem diagnóstico de TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção e-ou Hiperatividade), alguns profissionais da área da saúde mental com os quais contatei declaram, com naturalidade, conhecerem os efeitos secundários descritos, também no uso da Risperidona.

---------------------------------

1º Caso que foi a Júri - Risperidona - Farmacêutica terá de pagar US$ 2,5 milhões como indenização
O jovem Austin Pledger, hoje com 20 anos de idade, é o primeiro cidadão a conseguir que seu processo fosse a júri. Ele passou a ter seios tamanho 46 - Nem o médico tinha conhecimento deste efeito colateral. 
Ficou comprovado que a Janssen (a quem pertence a Johnson e Johnson) sabia dos efeitos colaterais e ocultou.
----------------------------------

Indignação

Questões que indignam:
- Os pais das crianças que recebem a receita (papeleta azul ou amarela) sabem disso?
- Eles são alertados pelo médico (neurologista, psiquiatra ou pediatra) sobre o aumento de peso que ocorre na quase totalidade dos casos (alguns adolescentes chegam a 40Kg a mais, em pequeno espaço de tempo) sobre os riscos que advêm deste desmesurado aumento de peso?
- Os pais sabem que seu filho adolescente pode desenvolver seios e, inclusive, produzir leite??
- Os pais sabem que sua filha adolescente pode ter os seios aumentados, criar leite e interromper a menstruação??
- E, sendo a prolactina um inibidor do desejo sexual, como ficará a vida deste homem?

Pelos depoimentos que estou a receber, aqui no Brasil, seja por e-mail ou inbox, a resposta dos pais e mães é uma só: "Não sabia! Estamos apavorados!"


Sofrimento extra! Adolescentes também sofrem bullying constante pela sua performance alterada, seja pelo excesso de peso, seja pelas mamas aumentadas. http://psychroaches.blogspot.com.br/2012/09/deposed-prolactin-gynecomastia-gorksy.html


Ginecomastia e Risperdal - Mais de 90% dos usuários apresentam níveis elevados de prolactina
Ginecomastia é uma condição caracterizada por mamas em homens, anormalmente grandes É causada por crescimento excessivo de tecido da mama, não é um excesso de gordura. A condição é geralmente causada por desequilíbrios hormonais no corpo. No caso de Risperdal e Invega , os problemas decorrem de uma superabundância do hormônio prolactina.
A prolactina controla o desejo sexual em homens e sustenta a lactação (amamentação) em mulheres e é produzido pela glândula pituitária. A ação de Risperdal e Invega é de bloquear os receptores de dopamina e controlar os níveis de prolactina. Uma vez que as drogas que bloqueiam a ação da dopamina sobre a glândula pituitária, os níveis de aumento de prolactina podem atingir níveis anormais - uma condição conhecida como hiperprolactinemia.
Hiperprolactinemia ocorre mais frequentemente com Risperdal do que com outros antipsicóticos. Na verdade, de acordo com dados do New Zealand Medicines and Medical Devices Autoridade de Segurança, mais de 90 por cento dos que tomaram a droga têm níveis elevados de prolactina. Em crianças e adolescentes, o excesso de prolactina pode causar ginecomastia, que se caracteriza por crescimento anormal de uma das mamas (ou ambas); secreção mamilar leitosa, em ambos os sexos (galactorreia); ausência de menstruação em mulheres; e atraso no crescimento físico geral e maturidade. 
(...) Uma vez que a FDA aprovou a droga para uso em crianças, centenas de meninos desenvolveram seios, enquanto sob efeito da medicação - incluindo em alguns casos seios tão grandes como copos "D", de acordo com a Forbes.
Centenas de meninos e rapazes tem processos arquivados ( ginecomastia processos de danos pessoais ) contra Johnson & Johnson e sua unidade Janssen, alegando que a farmacêutica não alertou adequadamente os pacientes.(http://www.drugwatch.com/risperdal/side-effects/)
O crescimento pode ser irregular (diferentes tamanhos); pode acontecer também em apenas uma ou ambas mamas.

GINECOMASTIA ADOLESCENTE

http://wwwgynecomastiaspecialist.blogspot.com.br/2012/01/adolescent-gynecomastia.html

San Francisco, Califórnia - ginecomastia Adolescente ocorre durante a adolescência, tendo início geralmente entre 12 a 13 anos de idade.   O equilíbrio hormonal é muito crítico durante este tempo.  O hormônio estrogênio estimula o desenvolvimento de características femininas e, ao mesmo tempo, o hormônio testosterona estimula o desenvolvimento de características masculinas. O desequilíbrio desses hormônios de estrogênio provoca o desenvolvimento do botão mamário em homens e pode causar ginecomastia. 

Segundo Dr. Delgado, 60% dos homens manifestam este desequilíbrio em algum momento de suas vidas. Em adolescentes, o crescimento anormal de uma das mamas, ou nas duas, geralmente regride dentro de 18 meses após o desenvolvimento. Passado este período, caso a ampliação do peito não regredir, a consequência emocional e social que pode resultar no adolescente pode ser devastadora.

ginecomastia adolescente área da baía de San Francisco, Califórnia
Um caso de regressão espontânea - jovem de 14 anos com ginecomastia adolescente
fotos antes e depois de 4 meses

Não saber do efeito colateral da Risperidona toma a família e o adolescente de uma surpresa tão desagradável que a ginecomastia pode afetar ainda mais a autoestima e pode impedir o desenvolvimento social do paciente.   

"Uma equipe de abordagem para esses jovens é necessária e precisa contar com um endocrinologista, nutricionista e rede de apoio social. Se todos os esforços não forem bem sucedidos, em seguida, a intervenção cirúrgica pode ser razoável, para evitar mais deterioração emocional e social. (Dr. Miguel Delgado - Especialista mundialmente conhecido em ginecomastia e redução de mama masculino em San Francisco. Clique: Dr. Delgado)


GINECOMASTIA DESENVOLVIDA PELO USO DE RISPERIDONA
Depoimento de um pai (EUA)

Eu tenho um filho que desenvolveu recentemente seios rudimentares, como resultado da medicação que está tomando para suas condições mentais. Eu não me sinto à vontade para falar sobre as deficiências mentais que ele está sofrendo, e eu sou do tipo que se preocupa quando chamam o que ele tem de deficiência.

Mas, meu filho também está preocupado como eu, já que é muito evidente. Eu tenho lido sobre os efeitos secundários do Risperdal, entre eles a ginecomastia e é muito horrível. Pelo menos, eu acho que a situação é mais do que um pouco perturbadora, mas, muito para o meu desagrado, parece ser o caso que o meu filho está sofrendo com a doença, e que, pode ser resultado dos medicamentos que ele atualmente está tomando.

Eu realmente nunca teria pensado que um medicamento que é usado para tratar um problema psicológico, poderia causar uma alteração fisiológica tão profunda no corpo. É extremamente preocupante, e também algo que me tomou completamente de surpresa. No início, parecia que meu filho estava desenvolvendo músculos peitorais, uma surpresa para sua pouca idade, mas, em pouco tempo, ficou muito claro que não é o que estava acontecendo.

Gostaria de dizer que estou perto de ficar horrorizado com esta situação. Eu não sei como ela vai ser resolvida, mas as indicações preliminares são de que o meu filho vai precisar de uma cirurgia. Ele é muito jovem para ter que fazer uma cirurgia para algo tão sem sentido como isto, em primeiro lugar. Realmente, parece ser ridículo que algo como isso poderia mesmo acontecer no mundo moderno. Minha família vai fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para superar esta situação. Tenho também a certeza de que meu filho vai conseguir se recuperar. Eu sei que ele tem muito potencial nele.

(esta matéria é de abril de 2014 e, em 2015, ainda não há mais postagens no site 
- http://www.tagmywine.com/gynecomastia-development-with-risperdal-medication.html )

Outro Depimento - GINECOMASTIA DESENVOLVIDA PELO USO DE RISPERIDONA

O video é em inglês, mas a mensagem é facilmente assimilada:
https://www.youtube.com/watch?v=EE83QVwFo68






No Reino Unido as informações sobre Risperdal incluem:

Se você sentir que o medicamento está fazendo mal ou você não acha que ele está funcionando, então fale com o seu médico.

Risperdal não é adequado para todos e algumas pessoas nunca deve usá-lo. Outras pessoas só deve usá-lo com cuidado especial. É importante que a pessoa que prescrever este medicamento conheça seu histórico médico completo.

O seu médico só pode prescrever este medicamento com cuidado especial ou não pode prescrevê-lo em tudo, se você:
- está prestes a ter uma cirurgia ocular
- são alérgicas ou sensíveis ou ter tido uma reação a qualquer um dos ingredientes na medicina
- são idosos
- está sofrendo de desidratação ou de baixo volume sanguíneo
- têm um elevado nível de prolactina no sangue ou se você pode ter um tumor dependente de prolactina
- têm problemas cerebrovasculares
- têm demência
- têm diabetes ou têm fatores de risco para diabetes
- têm intolerância à galactose
- tem problemas de má absorção de glicose-galactose
- ter tido um ataque cardíaco
- teve problemas de sangue
- teve convulsões ou têm fatores de risco para o desenvolvimento de convulsões
- tem problemas renais
- ter deficiência de lactase
- tem problemas de fígado
- ter problemas metabólicos
- teve ou tem um histórico familiar de certos tipos de problemas cardíacos
- têm a doença de Parkinson
- têm fatores de risco para alta temperatura do corpo que pode ser agravada por se envolver em exercício extenuante, exposição ao calor extremo ou esteja sujeito à desidratação
- têm fatores de risco para acidente vascular cerebral
- têm fatores de risco para problemas tromboembólicos.


Além disso, o médico só pode prescrever este medicamento com cuidado especial ou não pode prescrevê-lo em tudo para alguém que tem menos de 18 anos de idade. 

Se estiver a tomar Risperdal e um dos medicamentos a seguir ou vários tipos de medicamentos, certifique-se que o seu médico sabe sobre ele:

amiodarona
amitriptilina
carbamazepina
cimetidina
disopyramide
donepezil
fluoxetina
furosemida
galantamina
levodopa
maprotiline
mefloquina
paliperidone
paroxetina
fenobarbital
fenitoína
procainamide
propafenone
quinidina
quinina
ranitidina
rifampicina
sotalol
verapamil

Os seguintes tipos de medicamento podem interagir com Risperdal:
antiarrítmicos
anti-histamínicos
anti-hipertensivos
antimaláricos
benzodiazepinas
beta-bloqueadores
inibidores da enzima de citocromo P450
agonistas da dopamina
indutores de enzimas hepáticas
medicamentos que afetam o equilíbrio de eletrólitos
medicamentos que são metabolizados pelo fígado
medicamentos que diminuem a freqüência cardíaca
medicamentos que prolongam o intervalo QT
opiáceos
outros antipsicóticos
outros medicamentos que atuam sobre o sistema nervoso central
inibidores da p-glicoproteína
phenothiazines
antidepressivo tetracíclica
antidepressivos tricíclicos

Se estiver a tomar Risperdal e um dos medicamentos acima ou tipos de medicamentos, certifique-se que o seu médico sabe sobre ele(s).


Para as mamães que ainda podem prevenir.
Use Florais. Converse com seu médico para diminuir as doses e ir introduzindo medicação sem os riscos da Risperidona (mais de 90% dos usuários apresentam níveis elevados de prolactina), como os Florais de Bach, que podem ser usados sem medo, e ir diminuindo, gradativamente, as doses dos psicofármacos.
Informe-se
Marise Jalowitzki
Grupo, Blog, Página e Livro TDAH Crianças que Desafiam


 Marise Jalowitzki é educadora, escritora, blogueira e colunista. Palestrante Internacional, certificada pelo IFTDO - Institute of Federations of Training and Development, com sede na Virginia-USA. Especialista em Gestão de Recursos Humanos pela Fundação Getúlio Vargas. Criou e coordenou cursos de Formação de Facilitadores - níveis fundamental e master. Coordenou oficinas em congressos, eventos de desenvolvimento humano em instituições nacionais e internacionais, escolas, empresas, grupos de apoio, instituições hospitalares e religiosas por mais de duas décadas Autora de diversos livros, todos voltados ao desenvolvimento humano saudável. marisejalowitzki@gmail.com 

blogs:
www.tdahcriancasquedesafiam.blogspot.com.br


LIVRO TDAH CRIANÇAS QUE DESAFIAM
Informações, esclarecimentos, denúncias, relatos e dicas práticas de como lidar 
Déficit de Atenção e Hiperatividade


Clique aqui e adquira


Clique aqui e conheça





Querendo, leia mais sobre o tema TDAH aqui



TDAH e o Direito a Ser Feliz!






3 comentários:

  1. Meu filho desenvolveu ginecomastia pelo uso da risperidona, prescrito por uma psiquiatra infantil, notei o crescimento da mama, suspendi medicação mas não desapareceu a ginecomastia. Hoje ele está co 11 anos e jamais vai à praia ou piscina sem vestir camiseta. Existe algum tratamento sem ser cirúrgico?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente, não, Eliane! O que podes ir acertando com ele é ele frequentar uma academia, desenvolver músculos nos braços (biceps - triceps) e costas, como forma de disfarçar os mamilos crescidos. Tem funcionado bem em alguns garotos. Como ele tem apenas 11 anos, precisa ir devagar com isso de academia.

      Agora, sinceramente, sugiro procurar um advogado (temos um bem competente lá no grupo do Facebook, caso queiras uma indicação)para processar este médico e-ou o laboratório farmacêutico, assim como aconteceu com o menino (hoje rapaz), que recebeu uma indenização nos EUA.

      É preciso iniciar este movimento de responsabilização desses profissionais! Querendo, contata pelo meu e-mail: marisejalowitzki@gmail.com

      Beijos e Felicidades, extensivas ao seu querido filho!

      (E, não sei se já leste os artigos que se referem aos Florais de Bach. Muitos pais tem obtido resultados bem importantes no tratamento da agressividade dos pequenos.) Força!

      Excluir
  2. Quantas vezes perdi a paciência com meu filho...Eram tantas cobrancas da escola perdi a contas do apoio que nao recebi...Ah meu filho... tao incompreendido...tão taxado...rotulado...Que guerra! Era escolher dentro de si pelo nao consigo e o nao quero... Eu resolvi valorizar pela essencia de ser humano que é... Deus abençoe e ilumine as familias e seus Guerreiros!

    ResponderExcluir